05:56

Tio, lê meu texto?


- Tio, me dá um trocado?
- Não sou seu tio, moleque.
- Mas me dá um trocado?
- Não tenho trocado.
- Poxa, tio, me dá um ajuda.
- Não sou seu tio, nem tenho dinheiro.
- , tio, por favor.
- Não sou seu tio, não tenho família.
- Só um prato de comida, tio...
- Não posso te ajudar, não tenho dinheiro, nem tenho comida.
- Tio, por favor, eu com fome, me dá uma ajuda, eu trabalho pro senhor.
- Não sou seu tio. Não tenho família, nem dinheiro, nem comida, nem tenho trabalho pra você, nem pra mim.
- Tio, eu posso dormir na sua calçada?
- Não sou seu tio, não tenho família, nem dinheiro, nem comida, nem trabalho e a casa não é minha.
- Então fique com Deus, tio...o senhor precisa mais do que eu.
- ...
- ...
- Também não tenho Deus...


Você é o tio. Eu também sou o tio. Quando não queremos ser tios, nós rejeitamos Deus, você tem família, dinheiro, comida, trabalho e moradia. Deus te faz alguma falta?

2 comentários:

Fernanda Medeiros disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fernanda Medeiros disse...

Você e seus títulos de efeito, rs
Já te falei que dava um ótimo jornalista né? Ou quem sabe um perfeito escritor, daqueles que poderiam ser levados ao espaço... só p descrever com clareza a emoção das estrelas vistas de perto, (risos)... enfim... esse é um dos textos que é impossível não tocar as pessoas, principalmente como nós... crentes de vez em quando, segundo o que me falaram certa vez. Parabéns moço... um belo texto, duvido que alguém transmitiria a mesma idéia de uma melhor forma. BeeijO, e fique com Deus, acredito que ele faça falta.